Moto Legal

4 de novembro de 2017

Em depoimento à polícia, ex-padrasto confessa ter estuprado e matado a pequena Alanna Ludmila

Foto: Tiago Bastos
O ex-padrastro da garota Alanna Ludmila, Robert Serejo, confessou durante depoimento à polícia, ter estuprado e em seguida, matado a garota. O corpo da garota foi encontrado por vizinhos enterrada numa cova coberta por entulho no quintal de casa.
Robert, também teria afirmado aos delegados que cometeu o crime sozinho, sem a participação da mãe garota.

Nenhum comentário: