Obras Mais Asfalto

5 de dezembro de 2014

Fiasca o baile do lagostão sem lagosta na despedida da governadora do Maranhão

Blog Marrapá - Em tom melancólico, a governadora Roseana Sarney se despediu do governo do Maranhão, numa confraternização dedicada a poucos amigos, políticos e familiares, realizada na Casa de Veraneio da Ponta do Farol.
Pessoas próximas à família Sarney estranharam o clima modesto da comemoração, contrastando com o esplendor e luxo dos anos anteriores. Após denúncias da imprensa e intensa pressão da opinião pública, lagostas foram substituídas por frios e salgados e as centenas de litros de whisky e vinhos importados, comprados em meio a crise no sistema prisional do estado, trocados por cervejas e refrigerantes.
Apenas os poucos deputados presentes no local eram servidos com champanhe e bebidas mais caras. Por sinal, o que mais causou estranheza foi a ausência da classe política no evento.
Dos 21 deputados que compareceram ao almoço realizado no dia anterior, no Palácio dos Leões, apenas meia dúzia deles cercavam o presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, Arnaldo Melo, que sucederá a filha de José Sarney a partir da próxima sexta-feira.
Ao final, cantou, dançou e fez piruetas em um palco repleto de cantores maranhenses. Sem esconder, no entanto, a tristeza que sente em deixar o comando do executivo estadual após 14 longos anos de desgoverno.
“É com prazer que recebo todos vocês, naquela que pode ser a minha última confraternização neste lugar”, discursou Roseana, lembrando que o seu sucessor, Flávio Dino (PCdoB), prometeu vender a Casa de Veraneio na campanha eleitoral.
Entre os prefeitos aliados a debandada foi maior. Dos quase cem prefeitos convidados, menos de quinze compareceram ao comes e bebes de despedida.
Ofuscada pela expectativa em torno de Arnaldo, a governadora se dedicou a cumprimentar os convivas, em sua maioria funcionários da Secom e do Palácio dos Leões.

Nenhum comentário: