Moto Legal

13 de novembro de 2014

Aumenta número de homicídios e latrocínios no Maranhão, diz pesquisa

G1 - Uma publicação nacional divulgada nesta terça-feira (11) pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública mostrou um aumento significativo no número de homicídios e latrocínios no estado do Maranhão.
De acordo com as informações do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, a região maranhense se encontra, atualmente, na décima sétima posição entre os estados brasileiros com o número de homicídios já registrados, oficialmente, no ano de 2013. Alagoas lidera o ranking com a média de 64,7 homicídios a cada 100 mil habitantes.
Entre os anos de 2012 e 2013, a taxa de latrocínio, roubo seguido de morte, aumentou quase 10 por cento no Maranhão. Sobre esse dado, o caso mais recente e de grande repercussão foi o do médico Luiz Alfredo Guterres, morto no último domingo (9), em São Luís, após reagir a um assalto dentro de casa.
Outro dado que merece ser ressaltado diz respeito à taxa de homicídios. Conforme registros do Ministério Público sobre dados relacionados à violência, de 2000 a 2012, a taxa de homicídios no estado aumentou mais de 400 por cento. Já a média nacional, teve um aumento de 24 por cento. Sobre esses números, vale ressaltar que as de armas de fogo foram usadas em mais da metade desses crimes.
Segundo a delegada-geral de Polícia Cristina Meneses, para que essa situação seja revertida é necessário que haja mais engajamento no combate ao tráfico de armas e nas armas que são utilizadas de maneira ilícita dentro do crime. “Essa posse de armas, infelizmente, que possibilita mais homicídios é algo a ser combatido com o combate do tráfico”, afirmou.

Nenhum comentário: