Moto Legal

25 de setembro de 2013

Servidores rejeitam proposta da prefeitura e entram em greve em São Mateus.

Servidores municipais da cidade de São Mateus do Maranhão entraram em greve por tempo indeterminado. O Sindicato que representa a categoria realizou uma assembleia extraordinária em que os funcionários decidiram pela aprovação da greve. Dentre as principais reivindicações ao atual prefeito Miltinho Aragão, estão: aumento salarial, pagamentos de garantias não pagas pelo ex-prefeito, criação de plano de cargos e carreira, pagamento de horas extras e de 13º salários para os que já aniversariaram, dentre outras. 

A prefeitura apresentou sua proposta à categoria, que por sua vez rejeitou a proposta cessando o diálogo e deflagrando greve.

1 – Reajustes dos vencimentos de todos os servidores que se encontram congelados desde 2010, (motorista, técnicos em enfermagem, técnicos agrícola, fiscal de tributos, médicos veterinários, engenheiro agrônomo, enfermeiros, assistentes social e outros);
2 – Reposição da ajuda de custo (diária) dos motoristas do Hospital Municipal;
3 - Reposição do percentual de 20% de insalubridade de todos os servidores do Hospital Municipal;
4 – O pagamento de horas extras a todos os servidores que trabalham 48 horas semanais;
5 – A correção do valor percentual do adicional noturno de 20% para 25%, como determina a lei municipal nº 02/91;
6 – Criação do plano de cargos, carreira e salários de todos os servidores;
7 – Pagamento de incentivo financeiro aos A.O.S.D. pela realização e acumulação de atividades funcionais;
8 – O pagamento do 13º de todos os servidores que já aniversariam e ainda não receberam;
9 – Ajuste da Lei Municipal nº 02/1991; 
10 – Reajuste do valor pago pelo deslocamento a todos os trabalhadores da educação;
11 – Ajuste do plano de cargos, carreiras e salários do magistério;
12 – Aumento de 8,22% para os professores em geral;
13 – Abono salarial;
14 – Melhores condições de trabalho;
15 – Convocação dos professores classificados e excedentes para ocupara as vagas ociosas;
16 – Retroativos referente ao reajuste salarial dos professores em 2012;
17 – Abonar as faltas dos dias que os trabalhadores estirem em movimento paredista.

Acompanhe o Blog SÃO MATEUS EM OFF também pelo Portal 180graus, pela Central de Nocíticas, pelo Portal Tribuna do Maranhão e pelo Facebook.

Nenhum comentário: