Moto Legal

10 de setembro de 2013

Em São Mateus, exames para diagnóstico de calazar em cães agora tem resultado com tempo reduzido.

Agentes Comunitários de Endemias realizando a coleta de sangue para o diagnóstico de calazar.

A Secretaria Municipal de Saúde de São Mateus, realiza em parceria com a Fundação Nacional de Saúde por meio dos Agentes Comunitários de Endemias, exames para diagnóstico de calazar em cães. Esses exames serão entregues de forma mais rápida, pois o tempo de espera não será superior a 15 minutos, ao contrário do que era realizado no passado, quando o exame demorava entre 60 a 90 dias para ser entregue ao proprietário do cão. Antes, o sangue do animal era recolhido e encaminha para as cidades de Caxias ou Timon. De acordo com o banco de dados da FUNASA, São Mateus possui em média 4.000 (quatro mil) cães.

O que é o Calazar ou Leishmaniose visceral canina?
A leishmaniose é uma doença crônica, de manifestação cutânea ou visceral, causada por protozoários flagelados do gênero Leishmania, da família dos Trypanosomatidae. O calazar (leishmaniose visceral) e a úlcera de Bauru (leishmaniose tegumentar americana) são formas da doença.

Transmissão ao homem
Por ser uma zoonose comum ao cão e ao homem. Ela transmitida ao homem pela picada de mosquitos flebotomíneos, que compreendem o gênero Lutzomyia (chamados de "mosquito palha" ou birigui) e Phlebotomus.
O cão é considerado um importante reservatório do parasita pela sua proximidade com o homem e constitui o principal elo na cadeia de transmissão de Leishmaniose visceral nas zonas urbanas.
A Leishmaniose NÃO é transmitida através de lambidas, mordidas ou afagos. O contágio ocorre somente através da picada da fêmea infectada do “mosquito palha”.

Acompanhe o Blog SÃO MATEUS EM OFF também pelo Portal 180graus, pela Central de Nocíticas, pelo Portal Tribuna do Maranhão e pelo Facebook.

Nenhum comentário: