Obras Mais Asfalto

26 de junho de 2013

Falta agora prender os mensaleiros do PT. Supremo determina prisão imediata de Deputado Federal, o primeiro desde 1988.

Só me causa estranheza o fato de nenhum dos criminosos políticos envolvidos no mensalão do PT ainda não terem sido presos, até nesta onda de protesto pelo Brasil a fora, as reivindicações pedindo a prisão dos envolvidos quase não se ver.

G1

Deputado Natan Donadon (PMD-RO). Foto: Leonardo Prado. Agência Câmara

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu agora pouco, por oito votos a um, pela prisão imediata do deputado federal Natan Donadon (PMDB-RO). Ele foi condenado em 2010 a 13 anos, 4 meses e 10 dias de prisão em regime fechado pelos crimes de peculato (crime praticado por funcionário público contra a administração) e formação de quadrilha, mas aguardava o julgamento dos recursos em liberdade.
Donadon será o primeiro deputado em exercício a ser preso por determinação do Supremo desde a Constituição de 1988. Ainda não há informações sobre o momento exato em que a prisão será cumprida.

Há dúvida sobre a questão da perda do mandato parlamentar, que não foi definida pelo plenário do Supremo nesta quarta. O tema deve ser decidido pelo Congresso, uma vez que, durante o julgamento de Natan Donadon em 2010, os ministros não discutiram a questão. No caso do processo do mensalão, porém, o STF decidiu pelas cassações dos mandatos dos quatro parlamentares condenados.

Acompanhe o Blog SÃO MATEUS EM OFF também pelo Portal 180graus, pela Central de Nocíticas, pelo Portal Tribuna do Maranhão e pelo Facebook.

Nenhum comentário: