Obras Mais Asfalto

23 de dezembro de 2012

Grupo político de prefeito derrotado nas eleições fazem verdadeira desova nos prédios públicos e nem fogão velho escapa

É caro leito, a coisa no Maranhão está feia em São Mateus a coisa tá mais feia ainda, muitas coisas estão desaparecendo em um passe de mágica das salas dos prédios públicos (privados) de São Mateus, deu uma louca geral, se de dia existem objetos em algumas salas do final da tarde para início da noite  vem um fantasma vestido de branco (nem sempre) e dá sumiço em tudo, primeiro o diretor do hospital o Guilherme Salomão acompanhado do Secretário de Finanças Borgéa Fernandes  na calada da noite, quer dizer mal tinha começado a noite deram sumiço nos aparelhos da sala de raio-x do hospital municipal até estivadores foram usados na operação, daí os objetos foram levados para uma casa ao lado do hospital e no dia seguinte, também tomaram um chá de sumiço e ninguém sabe pra onde foi, o certo que no hospital não há mais a prática do tal procedimento.
No prédio onde funciona a Secretaria de Desenvolvimento Social na Rua Amazonas, até o telhado foi desmontado e claro, madeiras e telhas tomaram foram levadas, pois bem, ontem no final da tarde um fogão velho foi alvo do famoso SUMIÇO, uma caminhonete S10 preta estava estacionada em frente ao prédio (alugado) onde funciona a prefeitura, do nada, o condutor do veículo conhecido na cidade como Sgt Ribeiro (pai da vereadora eleita Geisa) com a ajuda do provável vigia do prédio, carregavam sobre seus braços nada mais nada menos do que um fogão velho, em seguida o sargento acompanhado de uma funcionário do Espaço Vip identificada apenas por "maria" em seguida o condutor do veículo deixou a "maria" em casa e seguiu viagem até o pátio do Espaço Vip. 

Agora queremos saber quais os outros objetos que receberão o toque de mágica e sumirão dos prédios públicos até o dia 31 de dezembro?

Quanto a prováveis sumiços de dinheiro nas prefeituras, o auditor da CGU Wellington Resende afirma que: a receita mais saqueada pelos prefeitos corruptos, indiscutivelmente, é o Fundo de Participação dos Municípios-FPM. Ao contrário de outras receitas, a utilização deste é de caráter não-vinculado, diametralmente oposto ao Fundeb e ao Piso de Atenção Básica, que obrigatoriamente devem ser aplicados na educação e saúde, respectivamente. Ressalte-se, ainda, que nem o fato de estas serem verbas ‘carimbadas’ não inibe o alto grau de corrupção e desvios praticados.
Em se tratando do FPM, a própria sistemática de distribuição deste fundo ‘pede para ser roubado’. Atente bem, caro leitor, esta receita municipal (oriunda da Constituição Federal) é distribuída aos municípios em três parcelas, com  créditos mensais na respectiva conta das prefeituras nos dias 10,20 e 30.



Veja o momento em que o fogão velho foi levado de dentro da prefeitura municipal:
 Observe a chegado o vigia abrindo o portão ao lado direito da imagem
 Momento em que o fogão é colocado na carroceria da caminhote

 O foão na caminhonete segue rumo até então ingnorado,
Momento em que a 'carga' chega no espaço vip vianense
Imagem: Jonatas Carlos

P.S.: O blog está a disposição para quaisquer esclarecimento ou manifestação dos citados nesta matéria, afinal o POVO merece alguma resposta!

2 comentários:

Anônimo disse...

Isso é coisa de ladrão... Experiência é o que não falta a eles... (Marlise).

Anônimo disse...

Isso é caso de polícia!!! Esses casos têm que ser denunciados ao Ministério Público.