Obras Mais Asfalto

3 de novembro de 2012

Quem disse que blogueiro é jornalista?



Por Jonatas Carlos

Não me considero jornalista, pois eu sou blogueiro.
O fato do ser humano existir, simultanemente existe junto com ele a necessidade de se expressar. Com o tempo, a profissão de jornalista foi criada para averiguar, questionar, expor as opiniões do povo e levar a público os fatos do cotidiano. Com a mordenização e a chegada da tecnologia e a popularização da internet surge outro profissional muito parecido com o referido antes, o blogueiro, aquele que usufrui da rede para se expressar de várias formas distintas.
Daí, alguns que tem enorme dificuldade de interpretação e tental propositalmente confurdir as coisas, e acham que blogueiro é jornalista. A questão indaga e incomoda alguns comunicadores.
Existem várias diferenças entre as duas ocupações, principalmente em relação a opinião de quem produz o conteúdo para blogs e jornais. São duas coisas totalmente diferente. O blogueiro é senhor de si, escreve o que dá na telha. Já o jornalista tem por obrigação checar as informações”.
Com a queda da obrigatoriedade do diploma para jornalista em 2009, a dúvida entre ser blogueiro e jornalista ganhou forças. Porém, com o tempo, as diferenças entre as profissões ficam nítidas, ser blogueiro é muito diferente de ser jornalista. Não posso ser considerado um jornalista, assim como muita gente que faz curso de teologia queira por obrigação ser batizado como jornalista e querer por força que os outros os chamem assim, daí já temos que batizar o tal como um falsificador de identidade.
Concluo afirmando que, criar um blog de notícias, não significa que o blogueiro é jornalista.

Nenhum comentário: