20 de abril de 2012

Sessão tumultuada na Câmara de Vereadores de São Mateus do Maranhão.

Por Jonatas Carlos

Em sessão ordinária realizada nesta manhã em São Mateus, foi marcada por muita polêmica em torno de um tumultuado assunto que envolve os desportistas da nossa cidade. Trata do possível fechamento do Estádio de Futebol Serra Dourada situado em frente ao Fórum de Justiça no bairro São José (Toca da Raposa) tendo mais de 20 anos de existência na história da cidade.
A grande polêmica veio à tona, quando da notícia de que o Instituto de Previdência do Município-IPHAN teria comprado a área privada de propriedade do senhor Carrinho, que compreende o referido estádio, tudo não seria transformado em polêmica se a atual administração tivesse algum programa para o esporte são-mateuense, de fato a atual administração não dá às mínimas para este importante esporte. Uma manifestação estava prevista para acontecer durante a sessão da câmara (fato que poderia abalar ainda mais a imagem do legislativo municipal), na tentativa de amenizar a situação, os vereadores (menos o vereador Pará) levaram a tribuna da câmara, as possíveis medidas que poderia ser aplicada afim de não prejudicar ainda mais a vida do esporte em São Mateus do Maranhão.
No local será construído as novas instalações do Instituto de Previdência Municipal, já foi iniciado a construção do muro que cercará todo o terreno.
Até então o curioso da história seria a não oficialização por parte da câmara quanto a autonomia do IPHAN na compra de imóveis e terrenos. Consultando a assessoria jurídica do legislativo, foi comprovado que o instituto tem por Lei autonomia sem que seja aprovado pela Câmara, para compra de imóveis e terrenos.
No final da sessão os vereadores Gessé, Joãozinho, Soliene, Kátia, Sebastião, Neto, Toinho e Hélio, acompanhados de dezenas de desportistas foram até o local do estádio conferir a situação e averiguar o andamento da obra. O vereador Pará, depois de passar toda a sessão com um celular no ouvido, afirmou aos atletas no lado externo da Câmara que não iria até o estádio pelo fato de não ser obrigado a acompanhar ninguém e pelo fato de entre os manifestantes não haver nenhum eleitor seu.

OBS.: devido problemas no servidor de internet, postaremos as imagens, nas próximas horas.