Obras Mais Asfalto

3 de outubro de 2011

Protesto do Detonautas provoca 2º coro “ei, Sarney, vai tomar no c…” no Rock in Rio

Tico Santa Cruz promoveu outro momento contrário ao presidente do Senado no Rock in Rio

Com informações das Agências

O nome do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), voltou a ser relacionado à corrupção e ser alvo de vaias no Rock in Rio. Ativista político, o vocalista do Detonautas, Tico Santa Cruz, lembrou a fala do deputado estadual Magno Bacelar (PV-MA), que classificou as vaias a Sarney no segundo dia do festival a “coisa de drogados, maconhados (sic)”.
Foi em meio a protestos que o Detonautas abriu a programação do Palco Mundo neste domingo (2), último dia de Rock In Rio 2011. O “polemista” Tico Santa Cruz usou seu espaço para criticar a corrupção, a desonestidade, o presidente do Senado, José Sarney, e ainda encaixar um cover de “Metamorfose Ambulante”, de Raul Seixas.


No palco, Tico lembrou que o Dep. Estadual Magno Bacelar chamou de "coisa de maconheiro" as vaisas que Sarney recebeu do público no segundo dia do Rock In Rio. “Teve um tal de um ‘pela saco’ aí que toma conta do Sarney que falou que todo mundo que tava aqui no Rock In Rio era maconheiro, que era bandido, marginal.  Eu prefiro mil vezes conviver com um maconheiro honesto do que com bandido de terno e gravata que rouba o povo”, disse Tico Santa Cruz, que foi aplaudido e apoiado pela plateia seguido do grito em coro: “ei, Sarney, vai tomar no c…”. A mesma frase já havia sido dita por mais de 100 mil pessoas no show do Capital Inicial.

Nenhum comentário: