Moto Legal

26 de julho de 2011

Notas rápidas

Piada do ano
Vereadores de São Mateus vão ao Ministério Público averiguar suas denuncias que fizeram contra o presidente da casa o vereador Antonio Carlos e sobre outras fraudes na prestação de contas da câmara, onde se afirma que há a prática de crime de falsidade ideológica, até aqui tudo bem, não fosse o perfil dos Edis que foram ao MP! E sobre o fato do prefeito ter pago os dentes de porcelanas da primeira dama do municipio e sobre as prestações de contas da prefeitura nunca apresentadas ao povo pelo Prefeito CASSADO e o pagamento de um vaqueiro da fazenda do prefeito com cheque da prefeitura, faltou coragem e vergonha na cara para também fiscalizar foi ?

Agora lascou: população são-mateuenses está sem ambulância.

imagem ilustrativa
Do blog do Louremar de Bacabal

O município de São Mateus conta com duas ambulâncias para transporte dos doentes. Em geral servem para levá-los para São Luis, como ocorre na maioria das cidades do interior.

O problema é que há quase um mês as duas ambulâncias estão paradas. Ambas estão com problemas mecânicos. E os problemas devem ser seríssimos, para justificar tanto tempo paradas. Ou será a falta de interesse da administração Rovélio?

Quando ocorre um acidente sobra para os Policiais Militares. A viatura da PM é utilizada para conduzir presos e doentes. Só em São Mateus mesmo.
 
Advogado da CPT e um padre foram ameaçados de morte em Cantanhede-MA

Hoje, eu Diogo Cabral, advogado da CPT Maranhão e padre Inaldo Serejo, estivemos no município de Cantanhede, Maranhao, aproximadamente 200 km de Sao Luis, para realização de audiência preliminar do processo de nº 3432010, onde os autores são trabalhadores rurais quilombolas do quilombo de Salgado, município de Pirapemas e os réus, latifundiários da região, cujos nomes são Ivanilson Pontes de Araujo, Edmilson Pontes de Araujo e Moisés Sotero.
(...)  
Pois bem, hoje, quando chegava naquela comarca, para realização de audiência preliminar, o fazendeiro Edmilson Pontes de Araujo esbravejava na porta do fórum de que “era um absurdo gente de fora trazer problema para o povoado, que era uma vergonha criar quilombo onde nunca teve nada disso( se referindo a mim, ao Inaldo e ao agente da CPT Marti Micha, alemão naturalizado brasileiro). É por isso que a gente tem que passar o fogo de vez em quando, que nem fizeram com a irma Doroty!”.

Nenhum comentário: