Antes não tinha, agora tem!

28 de abril de 2011

As mais desta quinta-feira

FLÁVIO DINO NA EMBRATUR
Com Felipe Klamt
....Flávio Dino pode assumir a presidência da EMBRATUR - Instituto Brasileiro de Turismo....

 
A PRIMEIRA PRIVATIÇÃO DA DILMA RUSSEFF
Nota deste blogueiro
O mesmo governo que era contra as privatizações, agora é que de fato está privatizando, começou com os aeroportos e depois? Em se tratando de aeroportos, até o final do ano passado apenas 5,47% dos recursos orçamentários para investimentos em aeroportos tinham sido contratados e somente 2,15% foram executados. Enquanto isso, entre 2003 e 2010, o movimento saltou de 71 milhões de passageiros por ano para 154 milhões, um crescimento de 117% em oito anos. Isso gerou um montante de grana, onde foi investido?. Sempre em conversas com amigos, seja em roda, celular ou via internet, afirmo que o Brasil poderá entrar em caos com as aproximidades da Copa do Mundo, hà anos já se sabia da Copa de 2014 no Brasil e nada fizeram, a não ser mentir na mídia das obras e empregos que seriam gerados para que pudesse ser um sucesso este evento. Não é o que estamos vivenciando. 
Utilizei o aeroporto de Campinas-SP e Terezina-PI no mês passado e pessoalmente puder conferir que mesmo em dia de pouco movimento, se percebe o início de um caos aéreo imagine no peírodo da copa e não se espante se ainda acontecer em nosso país um novo apagão aéreo.

A MENTIRA:
 “Aqui, o desastre só não foi maior – como em outros países – porque os brasileiros resistiram a esse desmonte e conseguiram impedir a privatização da Petrobras, do Banco do Brasil, da Caixa Econômica ou de Furnas.” (Presidente Dilma Rousseff, então ministra-chefe da Casa Civil de Lula e pré-candidata do PT à presidência, no 4º Congresso do PT, em Brasília, 20/02/2010.)
A VERDADE:
Utilizado como acusação contra o PSDB, o assunto privatização sempre foi exaustivamente explorado pelo PT nas campanhas eleitorais. Como repetiu Rousseff, sem medir consequências, para ganhar as últimas eleições.
A saturação dos aeroportos brasileiros não é novidade. A corrida é para tentar amenizar a situação. Mas as previsões não são nada otimistas. O Ipea, vinculado à Presidência da República, avalia que, mesmo com as privatizações e a execução das obras planejadas pelo governo do PT, os aeroportos brasileiros não conseguirão atender à demanda nem da Copa nem das Olimpíadas de 2016. Que vergonha!

Nenhum comentário: