28 de fevereiro de 2011

O Peregrino Missionário da Paz em São Mateus!

 
É pos­sí­vel o homem andar 2,6 mi­lhões de quilômetros de bi­ci­cle­ta mundo afora? José Ferreira da Silva, 57 anos, baia­no de Feira de Santana, ga­ran­te que sim. Pe­da­lan­do ele de­sa­fia a na­tu­re­za,  já es­te­ve em seis paí­ses da Amé­ri­ca do Sul, além do Brasil. Essa semana Jose esteve em São Mateus do Maranhão, foi na Faculdade UEMA-DARCY RIBEIRO, esteve na Igreja Católica, cum­priu ele, “mais uma mis­são de paz”, dando seu testemunho.

José Ferreira da Silva é o “Peregrino Missionário da Paz”, con­for­me es­tam­pa um car­taz na parte dian­tei­ra da sua bi­ci­cle­ta que pe­da­la o mundo. Para quem acha que se trata de um gran­de men­ti­ro­so ou um des­ses lou­cos que apa­re­cem per­di­dos pelas es­tra­das sem rumo, ele exibe seu baú que leva a ti­ra­co­lo com do­cu­men­tos e fotos que com­pro­vam a sua pas­sa­gem e a sua his­tó­ria por cen­te­nas de lu­ga­res do Brasil e do mundo.

E qual a razão de ta­ma­nha aven­tu­ra? Há 12 anos per­cor­ren­do o mundo, as­se­gu­ra que cum­pre uma mis­são: pagar uma pro­mes­sa feita a Nossa Senhora por oca­sião de uma queda so­fri­da por seu pai (Hum­berto), que que­brou a bacia ao des­pen­car do quin­to andar de um pré­dio. “Prometi a Deus e a Nossa Senhora que se o meu pai vol­tas­se a andar eu iria via­jar pelo mundo du­ran­te 17 anos em cima de uma bi­ci­cle­ta. Já cum­pri 12, res­tam so­men­te cinco. Nesses 12 anos todos foram na América, fi­quei seis nas Américas do Sul e Central, e os ou­tros seis na América do Norte. “Faço isso”, acres­cen­ta, “por amor, amor a Deus, a Nossa Senhora e ao meu pai, que está com 87 anos”. José Ferreira ga­ran­te que em 12 anos nunca so­freu um aci­den­te, nunca teve um pro­ble­ma de saúde e que está com dis­po­si­ção de um gi­gan­te para cum­prir a sua sina de pe­da­lar por mais cinco anos se­gui­dos. “Vou cum­prir a mi­nha pro­mes­sa”, afir­ma.

José Ferreira passa entre dois a três dias em cada pa­ra­da deixando sempre uma mensagem de fé e de esperança.

Nenhum comentário: