27 de agosto de 2010

Se fosse fazer cálculos, teria saído ao Senado’, diz Marina Silva.

A candidata do PV à Presidência da República, Marina Silva, disse nesta sexta-feira (27) que acredita em sua presença no segundo turno e que seu futuro político dentro do Partido Verde não é pautado por planejamento calculista. “Se fosse fazer cálculos, teria saído ao Senado”, diz Marina. Em Santa Catarina, ela participou nesta manhã de encontro na  Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc) e depois participou de sabatina.
A presidenciável fez a afirmação ao responder pergunta durante entrevista no Grupo RBS sobre sua importância dentro de um projeto de renovação do PV, para o qual ela é apontada como liderança. Marina disse que se vê como uma pessoa que dá uma contribuição ao partido, minimizando sua importância como pilar de uma nova filosofia e de expansão do partido. Ela disse que, se fosse realizar projeções calculistas sobre seu futuro político, teria optado pela corrida ao Senado, apontado que tinha 60% de intenção de voto.

Leia mais aqui.