3 de julho de 2010

Segundo turno está garantido, afirma Zé Reinaldo

O candidato ao Senado, José Reinaldo Tavares (PSB), afirmou que a eleição para o governo do estado será decidida em segundo turno. “Seguramente teremos segundo turno nas eleições para governador”, disse por meio do twitter.

A avaliação do socialista tem como base as candidaturas homologadas nas convenções até o último dia 30. Serão seis candidaturas ao governo do Maranhão: Roseana Sarney (PMDB), Jackson Lago (PDT), Flávio Dino (PCdoB), Marcus Silva (PSTU), Marcos Igreja (PCB) e Saulo Arcangeli (PSOL).

Para Zé Reinaldo, Roseana Sarney conta com a máquina administrativa do estado; Jackson com uma boa aceitação, recall ainda do resultado da eleição de 2006; Flávio ainda tem muito a crescer, pois é o que tem a menor rejeição, além de ser a novidade desta eleição; Marcus Silva, Marcos Igreja e o sindicalista Saulo Arcangeli disputam o voto ideológico.

No twitter, o candidato ao Senado ainda fez uma analogia entre Copa do Mundo e as eleições no Maranhão. “Vamos entrar agora na reta decisiva da mais importante Copa para o MA. As eleições que marcarão a renovação e mudança para o nosso estado”, contou na rede social.

SEM ATAQUES

O ex-governador do estado defende também uma eleição limpa, sem ataques entre os candidatos de oposição Jackson e Flávio Dino. “Para os candidatos da oposição, seria prudente evitar ataques entre si, para não dificultar eventuais acordos posteriores”, tuitou.

Zé Reinaldo diz ainda que os próximos três meses serão decisivos para definir os dois candidatos que chegarão à segunda etapa da disputa eleitoral.

SEM DILMA

Sobre Roseana Sarney disse que prefere aguardar para ver o que ela vai fazer com sua coligação proibida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de usar a imagem de Lula e Dilma.

Essa determinação será rediscutida pelo plenário do tribunal, caso seja mantida, o uso da imagem e de declarações de presidenciáveis na propaganda eleitoral no rádio e na televisão serão limitadas. A regra vale para impedir o uso de vídeos de um determinado partido em campanhas regionais com uma agremiação considerada adversária em nível federal.


Enviada pela Assessoria de Comunicação do candidato ao senando José Reinaldo Tavares

Um comentário:

Gabriel disse...

Olá, companheiro! O Maranhão precisa de mudança e o nome dela é Flávio Dino! Em outubro será a vez dos maranhenses mostrarem que estão cansados da pobreza e desigualdade que acompanha o estado. Estaremos no segundo turno e venceremos essa eleição. Abraços