17 de junho de 2010

Pura mentira: Sarney que pagou a perna mecânica de Manoel da Conceição

“Fui preso novamente, desta vez, ferido na perna direita com cinco balas. Depois de seis dias de prisão, como só passavam mertiolate na minha perna, deu gangrena. A reação foi grande, e então o governador José Sarney mando um avião me buscar no interior e pagou meu tratamento em São Luís. Foi aí que coloquei minha perna mecânica”.

As aspas são do fundador do PT, Manuel da Conceição dos Santos, que estava em greve de fome há seis dias contra o apoio do PT a Roseana Sarney. A declaração foi feita ao jornal O Estado de S. Paulo, na edição de 12 de março de 1976.

Detalhe: o jornal não estava sob censura.

A entrevista – uma coletiva – foi concedida antes de ele embarcar para o exílio na Suíça, aos 40 anos de idade, depois de ter sido preso quatro vezes pela ditadura militar.

O próprio regime ajudou Manuel a tirar um passaporte, pois tinha interesse em sua saída do Brasil.

Desde que os ventos democráticos voltaram a soprar no Brasil, porém, Seu Manuel faz oposição a Sarney.


Atualização: Manoel diz: É uma mentira deslavada.Ele autorizou que me matassem e foi p/ o Japão. Quem mandou o avião foi o padre Eider,de São Luis (MA). (Disse Manoel da Conceição por meio do twitter de Domingos Dutra)


Este blogueiro está acompanhando o caso...