4 de fevereiro de 2010

Lago Verde: Prefeito é afastado sob denúncias de nepotismo

A dança das cadeiras nas prefeituras do Maranhão continua. Depois de Pirapemas e São João do Paraiso, nesta quinta-feira, dia 4, foi a vez de Lago Verde. O prefeito Raimundo Almeida (foto) foi afastado do cargo por uma Comissão Processante que apura denúncias de nepotismo contra ele.

A sessão da Câmara que aprovou a Comissão foi tumultuada e o município viveu momento de tensão. Segundo informações da delegacia do município, dos 9 vereadores, 6 estão apoiando o vice-prefeito e 3 apoiam o prefeito. Inclusive o presidente da Câmara, Marlon Costa (PSB) também apóia o vice.

A polícia local informou ainda que, a multidão foi logo contida, e que prefeito e o vice-prefeito deixaram a cidade e viajaram para São Luís.

Com afastamento do prefeito, o vice, Olivar Lopes foi empossado imediatamente. Em 2009, um concurso público realizado no município foi questionado pelo vereador Jackson Lima e pelo vice-prefeito, que agora assumiu a prefeitura. Entre as supostas irregularidades observadas pelo vereador estão: a quantidade de parentes, aliados políticos, que teriam sido aprovados.

Edição: Isaias Rocha