16 de setembro de 2009

O Prefeito CASSADO Rovélio ganha a sua 1º vitória no TRE-MA

Infelismente a corrupção: é amiga fiel de alguns DESEMBARGADORES DO TRE.

A Corte Eleitoral do TRE-MA, em sessão realizada ontem (15), manteve em grau de recurso, Francisco Rovélio Nunes Pessoa e José Maria Teixeira Plácido, nos cargos de Prefeito e Vice-Prefeito de São Mateus, após a coligação "Frente de Libertação de São Mateus" propor, contra eles, representação eleitoral por captação ilícita de sufrágio e por gasto ilícito de recursos, acatada em primeira instância.
A coligação afirmou que Francisco Rovélio teria realizado: distribuição de camisas verdes com o seu número, 43, estampado; entrega de R$ 20,00 a cada eleitor e ainda uma nota de combustível com 3 (seis) litros de gasolina para abastecer motocicletas no posto de sua propriedade. Todos estes, gastos ilícitos punidos na forma prevista no artigo 30-A, §2º, da lei 9.504/97.
O primeiro a proferir o voto foi o Dr. Roberto Veloso, relator do processo, que declarou nulos os votos de Francisco Rovélio e José Maria, por entender que ficou configurada a captação ilícita de sufrágio, bem como o abuso de poder econômico. Ademais, determinou a realização de novas eleições no prazo de 40 dias, excluindo-se do novo pleito os recorridos.
A seguir, o Des. Joaquim Figueiredo proferiu o primeiro voto divergente depois de 1:30h de explanação, sendo acompanhado pelo restante dos Membros da Corte, mantendo, assim, por maioria, Francisco Rovélio e José Maria Teixeira em seus cargos.
Ainda corre na justiça mais outros processos que poderá culminar no afastamento do atual prefeito, são eles: o processo da urna da juçareira onde a Polícia Federal já fez a perícia e constatou irregularidades na mesma, uma fato que chamoou atenção da Polícia Federal é a rapidez de uma votação para outra, ume média de 3 votos em apenas um minuto e a quantidade de votos depois das 17:00h cerca de 104 votos e o outro processo que ainda tramita na justiça são as doações de canoas, botijão de gáz e demissões de funcionários em pleno processo eleitoral.

P.S.: Agora candidatos da base da oligarquia no Maranhão, podem dar camisas a vontade, combustível a vontade e a quantidade de dinheiro que for. O TRE-MA tem um lado e só perde o que fizer oposição a oligarquia.